7PT02-0423-02

Monitorização da capacitância (C) de fuga

Os sistemas de energia não aterrados são negativamente afetados pela capacitância de fuga.

O sistema de energia não aterrado deve atender às seguintes condições para garantir proteção contra contato indireto em um sistema de energia CA:

RA x Id ≤ 50 V

  • RA é o valor de resistência da conexão de aterramento do equipamento, em Ohms.

  • Id é a corrente de falha do aterramento, em ampères.

  • 50 V é a tensão máxima aceitável para contatos indiretos.

Para um sistema de energia não aterrado trifásico, a corrente de falha do contato indireto Id é:

Id = 2π x F x C x V

  • F é a frequência do sistema de energia.

  • C é a capacitância de fuga do terra.

  • V é a tensão de fase para neutro.

Combinando isso, o sistema de energia não aterrado deve atender à seguinte condição:

2π x F x C x V x RA ≤ 50 V

É importante que os aterramentos do equipamento tenham baixa resistência, e a capacitância de fuga do sistema de energia não aterrado deve ser monitorada e mantida em um valor baixo.

Para obter mais informações, consulte Cahier Technique No. 178.

QR code for this page

Isto foi útil?