DOCA0172PT-12

Exemplos de encaminhamento Modbus

Apresentação

Este tópico apresenta exemplos para mostrar como um SCADA a montante utilizando o TCP/IP Modbus acede aos dispositivos ligados a um Panel Server dependendo da arquitetura de comunicação utilizando o ID de servidor virtual Modbus. Para obter informações detalhadas sobre o ID da unidade Modbus/ID do servidor e o ID de servidor virtual, consulte Definições.

NOTA: O encaminhamento Modbus não deve ser confundido com o encaminhamento de rede na camada de rede (IP).

Disponibilidade

A função Esta função está disponível em Panel Server Entry , Universal , e Advanced . está disponível dependendo do modelo.

Recomendações de mapeamento do ID de servidor virtual

Para ajudar a garantir a consistência dos dados do dispositivo a serem comunicados ao sistema a montante, siga estas regras de mapeamento de ID de servidor virtual:

  • 1 a 99 para dispositivos Modbus-SL (modelos Universal e Advanced )

  • 100 - 199 para dispositivos sem fios

  • 200 - 254 para dispositivos Modbus TCP/IP (modelos Universal e Advanced )

Exemplo de pedidos de Modbus TCP/IP para dispositivos sem fios

Este exemplo mostra os pedidos de Modbus TCP/IP para dispositivos sem fios.

Panel Server com o endereço IP 10.10.11.12 está ligado a:

  • um HeatTag configurado com o ID de servidor virtual 101 e

  • um Acti9 Active configurado com o ID de servidor virtual 102.

Para recolher e reunir dados dos dispositivos sem fios, o sistema de monitorização emite os seguintes pedidos de Modbus TCP/IP:

  • 10.10.11.12, endereço 101 para HeatTag

  • 10.10.11.12, endereço 102 para Acti9 Active

Exemplo de pedidos de Modbus TCP/IP para dispositivos Modbus-SL

Este exemplo aplica-se aos modelos Universal e Advanced .

Este exemplo mostra os pedidos de TCP/IP do Modbus para dispositivos Modbus-SL quando o endereço físico em série é utilizado como ID de servidor virtual.

Panel Server com o endereço IP 10.10.11.12 está ligado a:

  • um iEM3150 com o endereço físico 1 e

  • um iEM3155 com o endereço físico 2.

Para recolher e reunir dados dos dispositivos Modbus RS485, o sistema de monitorização emite os seguintes pedidos de Modbus TCP/IP:

  • 10.10.11.12, endereço 1 para iEM3150

  • 10.10.11.12, endereço 2 para iEM3155

Exemplo de pedidos de Modbus TCP/IP para dispositivos Modbus-SL com o ID de servidor virtual diferente do endereço físico

Este exemplo aplica-se aos modelos Universal e Advanced .

Pode ser utilizado um ID de servidor virtual diferente do endereço físico utilizado nos seguintes casos:

  • O endereço físico já é utilizado como ID de servidor virtual para um dispositivo diferente (um dispositivo sem fios, Modbus-SL ou Modbus TCP/IP).

  • Este caso de utilização ajuda a aplicar um plano de endereço de comunicação específico para uma integração mais fácil e consistente no sistema a montante.

Este exemplo apresenta os pedidos de Modbus TCP/IP quando o ID de servidor virtual dos dispositivos Modbus-SL é diferente do endereço físico de série.

O Panel Server com o endereço IP 10.10.11.12 e o ID de servidor virtual 15 está ligado a:

  • um iEM3150 com o endereço físico 100 e o ID de servidor virtual 10 e

  • um iEM3155 com o endereço físico 101 e o ID de servidor virtual 15.

Para recolher e reunir dados dos dispositivos Modbus, o sistema de monitorização emite os seguintes pedidos de Modbus TCP/IP:

  • 10.10.11.12, endereço 10 para iEM3150

  • 10.10.11.12, endereço 15 para iEM3155

Exemplo de pedidos de Modbus TCP/IP para dispositivos em topologia separada

Este exemplo aplica-se aos modelos Universal e Advanced .

Este exemplo mostra os pedidos de Modbus TCP/IP para dispositivos numa topologia separada.

Panel Server com

  • Endereço IP na porta ETH1: 10.10.10.10

  • Endereço IP na porta ETH2: 192.168.10.1

está ligado a:

  • um PM800 com o endereço físico 192.168.10.2 e o ID de servidor virtual 200 e

  • a PM5563 with IP address 192.168.10.3 e o ID de servidor virtual 201

Para recolher e reunir dados dos dispositivos Ethernet, o sistema de monitorização emite os seguintes pedidos de Modbus TCP/IP:

  • 10.10.10.10, endereço 200 para PM800

  • 10.10.10.10, endereço 201 para PM5563

O serviço Modbus deve ser ativado em ETH1.

Exemplo de pedidos de Modbus TCP/IP para dispositivos na topologia comutada

Este exemplo aplica-se aos modelos Universal e Advanced .

Esta solução oferece várias ligações de cliente Modbus TCP. Se um dispositivo suportar apenas um cliente Modbus TCP/IP, o Panel Server funciona como um proxy Modbus TCP/IP e pode suportar várias ligações a montante.

Este exemplo mostra os pedidos de Modbus TCP para dispositivos numa topologia comutada.

Panel Server com o endereço IP 10.10.10.10 está ligado a:

  • um PM800 com o endereço IP 10.10.10.11 e o ID de servidor virtual 200 e

  • um PM5563 com o endereço IP 192.168.10.3 e o ID de servidor virtual 201

Para recolher e reunir dados dos dispositivos Ethernet, o sistema de monitorização emite os seguintes pedidos e Modbus TCP/IP de uma das seguintes maneiras:

  • Os pedidos são emitidos diretamente para o dispositivo a jusante:

    • 10.10.10.11, endereço 255 para PM800

    • 10.10.10.12, endereço 255 para PM5563

  • ou os pedidos são emitidos através do Panel Server e a deteção do dispositivo Modbus utiliza o ID de servidor virtual:

    • 10.10.10.10, endereço 200 para PM800

    • 10.10.10.10, endereço 201 para PM5563

Exemplo de pedidos Modbus TCP/IP para dispositivos Modbus-SL num Panel Server subordinado em topologia separada

Este exemplo aplica-se aos modelos Universal e Advanced .

Este exemplo apresenta os pedidos Modbus TCP/IP para dispositivos Modbus-SL quando estão ligados a um Panel Server subordinado/jusante numa topologia separada: o Panel Server (PAS#2) subordinado/a jusante está ligado a uma porta Ethernet no Panel Server principal/a montante (PAS#1) .

Para obter informações sobre como detetar dispositivos Modbus-SL ligados a um Panel Server subordinado/a jusante utilizando as páginas Web do Panel Server , consulte tópico detalhado.

PAS#1 com

  • Endereço IP na porta ETH1: 10.10.10.10

  • Endereço IP na porta ETH2: 192.168.10.10

está ligado aoPAS#2 subordinado com o endereço IP 192.168.10.11 e ligado a:

  • um iEM3150 com o endereço físico 1 e

  • um iEM3155 com o endereço físico 2.

Para aceder aos dispositivos Modbus-SL debaixo do Panel Server subordinado/a jusante (PAS#2) a partir do sistema de monitorização, primeiro os dispositivos Modbus-SL devem ser adicionados manualmente ao Panel Server principal/a montante (PAS#1) com as páginas Web do Panel Server :

  • A adição manual do iEM3150 para PAS#1 é efetuada utilizando o endereço 192.168.10.11, 1, atribuído ao ID de servidor virtual 200.

  • A adição manual do iEM3155 para PAS#1 é efetuada utilizando o endereço 192.168.10.11, 2, atribuído ao ID de servidor virtual 201.

Em seguida, para recolher e reunir dados dos dispositivos Modbus, o sistema de monitorização emite os seguintes pedidos Modbus TCP/IP:

  • 10.10.10.10, endereço 200 para iEM3150

  • 10.10.10.10, endereço 201 para iEM3155

QR Code is a registered trademark of DENSO WAVE INCORPORATED in Japan and other countries.

Isto foi útil?